PLANEJAMENTO DE CARREIRA: O OLHAR DE ESTUDANTES DE ADMINISTRAÇÃO EM DUAS FACULDADES PRIVADAS PAULISTAS

Cristiane Costa Esteves, Andressa Villela de AlmeidaAlmeida, Melissa Lucchi

Resumo


Este estudo visa identificar a percepção de estudantes do último ano do curso de graduação em Administração em duas faculdades particulares paulistas, Bilac e Etep Esplanada, a respeito do planejamento das próprias carreiras. O Inventário de Âncoras de Carreira de Schein (1990) foi aplicado a 90 alunos em outubro e novembro de 2013. Na Etep Esplanada, em que estudantes têm menor faixa etária e maior renda, prevalecem âncoras ligadas à independência, flexibilidade e criatividade. Na Faculdade Bilac, em que alunos têm maior faixa etária e menor renda, predominam âncoras ligadas à estabilidade, segurança e habilidade técnica. A escolha das âncoras confirma dois perfis típicos de profissionais: aqueles que buscam a possibilidade de gerenciar a própria carreira versus os que preferem se comprometer e ser leais a determinada organização. Os resultados também sugerem expressiva influência de renda, estrutura familiar, classe social e momento de vida nas escolhas das âncoras pelos discentes.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


LAJBM está indexada em:

   

 

ISSN: 2178-4833