Qualidade de vida no trabalho: um estudo na área da construção civil

Adriana Leonidas Oliveira, Barbara Oliveira Silva

Resumo


O presente estudo teve como objetivo levantar os níveis de Qualidade de Vida no Trabalho entre funcionários da área construção civil. Trata-se de uma pesquisa de natureza descritiva, de abordagem quantitativa, desenvolvida por meio do delineamento de levantamento de dados. A amostra foi composta por 100 profissionais atuantes em duas cidades do interior do estado de São Paulo, que exercem diferentes cargos na construção civil, provenientes de construtoras de pequeno e médio porte, assim como do setor de obras de uma instituição pública. Utilizou-se para coleta de dados o questionário adaptado e validado de Hackman e Oldham, denominado Job Diagnostic Survey. Os dados foram analisados quantitativamente, com o auxílio do software Excel. Resultados revelam um alto índice de satisfação em um grande número de variáveis estudadas, com destaque para o significado atribuído à tarefa desempenhada, o inter-relacionamento, a motivação interna para o trabalho e a satisfação com o ambiente social. Índices mais altos de insatisfação foram identificados com relação às variáveis autonomia, feedback extrínseco, satisfação com a segurança no trabalho e satisfação com a compensação. Pode-se concluir que embora a construção civil seja uma categoria que apresente dificuldades, os trabalhadores da área revelam, de uma forma geral, uma boa perspectiva quanto ao serviço que executam e quanto à satisfação que os mesmos sentem ao realizarem o seu trabalho.

Palavras-chave


Qualidade de Vida no Trabalho; Construção Civil; Satisfação no Trabalho; Motivação

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


LAJBM está indexada em:

   

 

ISSN: 2178-4833